Dia da Mentira


Eu sou lindo, rico, sedutor, charmoso, e vou para Alemanha quando terminar de escrever esse post. Já estou com as passagens compradas.

Eeeeeeeeee PEGADINHA DO MALANDRO (nem precisava dizer isso mas…)

Origem desse dia é, como todo dia folclórico, cheia de versões, mas fiquemos com a mais difundida (o que não significa que seja mais verdadeira):

“Há muitas explicações para o 1 de abril ter se transformado no dia das mentiras ou dia dos bobos. Uma delas diz que a brincadeira surgiu na França. Desde o começo do século XVI, o Ano Novo era festejado no dia 25 de março, data que marcava a chegada da primavera. As festas duravam uma semana e terminavam no dia 1 de abril.

Em 1564, depois da adoção do calendário gregoriano, o rei Carlos IX de França determinou que o ano novo seria comemorado no dia 1 de janeiro. Alguns franceses resistiram à mudança e continuaram a seguir o calendário antigo, pelo qual o ano iniciaria em 1 de abril. Gozadores passaram então a ridicularizá-los, a enviar presentes esquisitos e convites para festas que não existiam. Essas brincadeiras ficaram conhecidas como plaisanteries.

Em países de língua inglesa o dia da mentira costuma ser conhecido como April Fool’s Day, “Dia dos Tolos [de Abril]”; na Itália e na Françaele é chamado respectivamente pesce d’aprilepoisson d’avril, literalmente “peixe de abril”.

No Brasil, o primeiro de abril começou a ser difundido em Minas Gerais, onde circulou A Mentira, um periódico de vida efêmera, lançado em 1º de abril de 1848, com a notícia do falecimento de Dom Pedro, desmentida no dia seguinte. A Mentira saiu pela última vez em 14 de setembro de 1849, convocando todos os credores para um acerto de contas no dia 1º de abril do ano seguinte, dando como referência um local inexistente.” (FONTE: obvio que é o wikipédia)

Mas vamos mais além. O que é a mentira? Não vou nem apelar pro google pra dar uma explicação mais elaborada. Mentira seria basicamente dizer algo que não se constata. Simples dessa forma. Todos sabemos que somos mentirosos, todo mundo mente. O que varia é as razões que nos levam a mentir. Não devemos recriminar a mentira como algo imoral, errado.

Esse dia, é apenas para se divertir (apesar de alguns abusarem e serem idiotas). E como a mentira faz parte do nosso ser metafísico (que besteira que eu disse!), devemos aproveitar esse dia para fazermos que sabemos fazer melhor: mentir. Adulterar a verdade. Apesar de que eu não acredite em mentiras. Não existem mentiras mas apenas verdades que não acreditamos (olha que frase boa, só não vale colocar no subnick do msn hein).

O ser humano não é bom, a mentira é que o torna bonito. (nem sei porque escrevi isso aqui, mas não apagarei).

FELIZ DIA DA MENTIRA. O dia em que mostramos através de brincadeiras, aquilo que somos de verdade.

 

Anúncios

Sobre Ricardo Silva

Sem talento para auto definições.
Esta entrada foi publicada em Filosofando. ligação permanente.

2 respostas a Dia da Mentira

  1. Kssiddy Weslley diz:

    É bom ter essa aula, apesar que já conhecia essa versão.
    A ideia de mentira que colocou não deve ser rejeitada.
    Porém, quanto a estrutura do post, é realmente desnecessário colocar tantos links, e no final acaba colocando nenhum, mas foi só isso de tão repulsivo à leitura.

  2. Essa explicação do 1º de abril relacionada a adoção do calendário gregoriano eu fiquei sabendo com o oráculo da sala durante uma breve reunião etílica e acho que deve ser a que tem mais fundo de verdade.

Faça seu comentário. Exponha sua opinião!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s