A Bíblia não é confiável


Bíblia "Sagrada"

O livro mais popular de todos os tempos. O livro mais reproduzido do mundo. O livro mais vendido do planeta. Já deu pra perceber que a bíblia é um livro peculiar. Você já se perguntou de onde veio este livro? Qual é a sua real origem? Foi este livro que moldou todo o pensamento e a cultura do ocidente. Mas você já se questionou se ele é realmente um livro confiável?

Antes de tudo, saiba que você está lendo um texto introdutório a essa questão e de que o foco está mais concentrado no novo testamento (apesar das contradições e erros serem encontrados em ambos testamentos). Não haverá uma análise detalhada dos aspectos históricos, pois isso demandaria de mais espaço e da paciência de você para ler um post gigantesco. Não quebrando a regra do blog, de que os assuntos sérios serão expostos numa linguagem simples (sem a complicação da linguagem técnica), para isso preciso ser sucinto no texto. A intenção é despertar seu interesse pelo assunto e não dar todas as informações mastigadas. Vamos começar então:

Conhecendo a Bíblia

Primeiro temos que conhecer nosso objeto de estudo. A bíblia não é um livro, é um conjunto deles. A palavra “bíblia” vem do grego βίβλια, plural de βίβλιον, que transliterado se lê bíblion, “rolo” ou “livro”. Ela possue 66 livros (na versão protestante, pois na católica há 73). Ela foi escrita por em torno de 40 pessoas, mas, dizem os religiosos, seu verdadeiro “autor” foi Deus (vide II Pedro 1: 20-21). Ela foi escrita num período de 1600 anos (dependendo da sua fonte esse tempo pode aumentar para 2000 anos) com essas três línguas: o hebraico, aramaico e o grego. A bíblia possue dois conjuntos de livros: o antigo testamento (onde há a história do povo de israelita, as profecias referentes a vinda do messias, as leis judaicas, entre outras coisas) e o novo testamento (onde há o relato da vida de Jesus aqui na terra, o testemunho dos primeiros cristãos, profecias sobre a volta de Jesus e as instruções para a vida cristã, e etc). Agora você já conhece, mesmo que pouco e superficialmente,  a bíblia (mas caso queira mais detalhes, clique aqui).

Escolhendo os Livros

A bíblia antes de Gutenberg a ter imprimido no ano de 1462, era reproduzida de forma manuscrita. Aí que está o problema. Muitos livros da bíblia não tem nem o seu original, ou seja, o que se lê hoje é apenas cópia de uma cópia. E nos primeiros séculos da era cristã, os evangelhos (que não eram só 4), as epístolas “paulinas”, os livros de histórias sobre os apóstolos, eram reproduzidos de forma desajeitada e confusa. Não havia um conjunto que fosse unificado em um volume. Por determinado período assim ficou, com escritos se perdendo e outros sendo criados. Nesta época, o Cristianismo era apena mais um discurso entre tantos, era apenas uma reles dissidência do Judaísmo. Contudo, ele estava crescendo, ganhando força (mesmo sem organização alguma, pois o Cristianismo nunca foi coeso e sempre teve inúmeras ramificações). Mesmo se proliferando de forma rápida, os cristãos ainda eram minoria (10% da população romana), mas Constatino (317-340 d.C), imperador romano, viu no Cristianismo uma oportunidade de integrar o império. E num ato de estratégia política, ele resolve torna o Cristianismo a religião oficial de Roma (mas sem abandonar muitas das datas de festas pagãs).

Como o Cristianismo era muito ramificado, havia a necessidade de criar regras, doutrinas que padronizassem este “novo” credo. Um aspecto importante desse processo de unificação do Cristianismo sob a forma de uma instituição, era ter um livro que fosse organizado e “coerente” que explicitasse as doutrinas e as verdades cristãs. Para resolver esse e outros problemas de cunho teológico (e político não esqueça disso), aconteceu no ano de 325 d.C. o Concílio de Nicéia.

300 senhores decidindo o que fica e o que sai

Neste concílio reuniram-se 300 bispos para desenvolverem o escopo doutrinal e teológico do Cristianismo. Uma das decisões que foram tomadas neste encontro, foi quais livros seriam considerados divinamente inspirados e quais não. Esta escolha foi feitas por homens que escolheram os livros de acordo com seus padrões. Não houve nenhuma interferência divina na escolha. Leia este absurdo:

“O bispo de Lyon, Irineu, explica os pitorescos critérios utilizados na escolha dos quatro evangelhos ( reparem na fragilidade dos argumentos…) : ‘O evangelho é a coluna da Igreja, a Igreja está espalhada por todo o mundo, o mundo tem quatro regiões, e convém, portanto, que haja também quatro evangelhos. O evangelho é o sopro do vento divino da vida para os homens, e pois, como há quatro ventos cardiais, daí a necessidade de quatro evangelhos. (…) O Verbo criador do Universo reina e brilha sobre os querubins, os querubins têm quatro formas, eis porque o Verbo nos obsequiou com quatro evangelhos'” (Roberto C. P. Júnior)

De evangelhos existem 60 hoje, como os de Pedro, Tomé, Felipe, Tiago, dos Nazarenos, e tantos outros. Mas no início do Cristianismo existiam mais de 315, número que reduziu para 4 no Concílio de Nicéia. Os evangelhos apócrifos (que não foram inspirados pelo Espírito Santo) que não foram escolhidos para fazer parte do novo testamento, na sua maioria, foram queimados, esquecidos ou proibidos de serem lidos. Os 27 livros do novo testamento são do século IV.

Contradições e Modificações

Bom, “resolvido” a questão da multiplicidade de textos, começa-se então a propagação do que foi escolhido como inspirado (que você viu que de inspirado não tinham nada).  Essa propagação foi muito intensa na Idade Média com os monges copistas dedicando suas existências para os escritos da bíblia. Eles passavam dias inteiros transcrevendo textos enormes (imagine escrever a bíblia toda a mão!). Os erros acidentais eram inevitáveis, mas alguns (muitos) desses “erros” não foram (nem de longe) acidentais. Foram modificações propositais.

Basta você pegar sua bíblia e abrir no novo testamento e começar a ler. Discrepâncias irão surgir de todos os lados. Vou mostrar alguns desses crassos erros que há em determinados trechos das Escrituras:

Para onde foi Jesus depois que nasceu?

  • Segundo o evangelho de Mateus (2:13,14), a família de Jesus fugiu para o Egito. Mas para Lucas (2:39) o caminho foi outro. Jesus e sua família foram para Belém, cumpriram os ritos de purificação e voltaram para Nazaré, e não deram nenhuma passadinha no Egito (nem para dar uma olhada nas pirâmides).

Qual foi o dia em que Jesus foi crucificado?

  • Em Marcos (14:12; 15:25) Jesus foi crucificado depois ceia pascoal. Enquanto que para João (19:14 vide: Nova Tradução Na Linguagem de Hoje – NTLH, da SBB) isso aconteceu na véspera da ceia.

Mais:

  • Em Marcos (2:23-36*) há uma referência a um episódio que está relatado no livro de I Samuel (21:1-6). Quando você ler o texto de Samuel (espero que você o faça), o erro de Marcos fica patente. O evangelista põe na boca de Jesus o nome errado do sumo sacerdote, que não é Abiatar, mas seu pai Aimeleque (ou Aquimeleque, segundo a bíblia da CNBB).

Depois de sua “conversão”, para onde Paulo foi?

  • Paulo teve um “encontro” com Jesus a caminho da cidade de Damasco e segundo Atos dos Apóstolos (9:26,27) depois disso foi para Jerusalém. Será? Vamos perguntar para o próprio Paulo: onde você foi rapaz? Olhe a resposta aqui: Gálatas (1:16-20). Neste texto, Paulo fala que ele foi primeiro em Damasco e só DEPOIS DE 3 ANOS que foi a Jerusalém e encontrou-se com Tiago e não com Barnabé como está em Atos. No versículo 20 Paulo diz que não está mentindo. Quem está então?

Os Copista e as Modificações

Alguns copistas não apenas transcreviam os textos mas lhes faziam acréscimos. Em outros casos, eles colocavam comentários sobre o textos escritos na borda folha, e outros copistas que pegavam aquela cópia para reproduzí-la, acrescentavam o comentário no corpo do texto como se ele sempre tivesse pertencido a ele.

Copistas medievais: modificadores das escrituras

Veja algumas modificações propositais feitas na bíblia e que estão até hoje na bíblia:

  • A história que está relatada em João (8:1-11) é, comprovadamente, um acréscimo feito por algum copista. Esta história, segundo alguns pesquisadores, fazia parte de uma tradição oral sobre Jesus. Sabe-se que essa história é um acréscimo por algumas provas cabais, tais quais: nos mais antigos e conservados exemplares deste evangelho, esta passagem não existe. Há outras versões deste evangelho que os copistas colocaram esta passagem não depois de João 7:52 (pois o versículo 53 sequer existe) e sim depois de João 21:25 e há ainda outros que colocam a história depois de Lucas 21:28.
  • Os 12 últimos versos de Marcos não existem nas cópias mais antigas. É um acréscimo de um copista que deve ter julgado que o final abrupto suscitaria perguntas incômodas.

Curiosidade:

Muitas das cartas “paulinas” sequer foram escritas por Paulo. Muitos de seus seguidores escreviam e atribuíram a autoria a Paulo, pois ele era uma autoridade na igreja cristã primitiva. Por exemplo, a carta aos Hebreus. Ela não tem nenhuma linha escrita sequer pelo punho de Paulo, mas foi atribuída a ele e isso convencionou-se pela tradição, e todos (os menos esclarecidos) falam desta epístola como se ela tivesse sido REALMENTE  escrita por Paulo.

Existe na bíblia inúmeras contradições e incongruências. Em um estudo feito com apenas 100 manuscritos, foram encontrados mais de 30 mil variantes entre eles. Hoje existe uma faixa de 5.700 manuscritos do novo testamento que foram descobertos e catalogados, que mostram erros tão grosseiros e descarados que confiar nestes escritos é uma alternativa descartada.

A bíblia não é inspirada por Deus. Não foi Deus quem a escreveu. Não. Pergunte-se: se as palavras da Escritura não são dignas de confiança e nem seguras, o que dizer da fé baseada nelas?

(Para ver mais contradições bíblicas, acesse A Bíblia do Cético Comentada. Leia também o livro que serviu de base para este texto: Bart D. Ehrman – O que Jesus disse? o que Jesus não disse? Quem mudou a bíblia e porque )

*Como apontado por um leitor, o capítulo 2 de Marcos vai até o verso 28. Este foi um erro de digitação tardiamente percebido.

 

About these ads

Sobre Ricardo Silva

Desapega e vai!
Esta entrada foi publicada em Filosofando. ligação permanente.

52 respostas a A Bíblia não é confiável

  1. Fabrício diz:

    Logo vi que o texto é baseado em fontes conspiratórias. Nõa dá pra levar a sério. Até historiadores ateus reconhecem que a Bíblia é o livro da antiguidade cuja integridade é mais bem preservada e para o qual existem mais cópias manuscritas que se diferenciam entre si em apenas 0, 5%.
    Essas questões das supostas contradições são mais batidas do que tudo. Muitas delas se apoiam em: analfabetismo funcional dos que leem (não sabem interpretar), isolamento de textos que necessitam do capítulo inteiro e/ou de textos paralelos para ser compreendido, particularidades das línguas em que a Bíblia foi escrita (grego, aramaico e hebraico) causando certas dificuldades de compreensão de alguns termos no português, literalizar linguagem figurada, querer aplicar um código penal específico de uma sociedade de 4000 anos atrás nos dias de hoje, etc.

  2. e tem gente que ainda paga o d
    izimo???

  3. Enio diz:

    a bíblia é a verdade absoluta,de nosso passado,presente e futuro,nada foi tirado dela nem acrecentado
    esta escrito,pobre daquele q acrecentar ou tirar algo dela,ela foi inspirada totalmente e divinamente em Deus
    os famosos livros apócrifos,foram livros escritos alguns na mesma época dos textos antigos e outros séculos depois de Jesus,alguns antigos como no caspo do livro de 1 macabeus e o de a sabedoria de salomao,ate ensinam coisas boas ,mas não foram inspirados por Deus por isos não fazem parte da bíblia,e outros e inúmeros livros falsos como no caso do livro de tomé que foi escrito quase q 400 anos depois de cristo,afirmava muitas mentiras sobre a maneira e vida do senhor Jesus cristo,a bíblia não contem nem sequer 1 virgula de contradição,ela é direta,ensina a como viver bem a como tratar bem os outros,agora se vc procura falsidade em algo e é esta resposta que vc deseja,entao vc ira achar falsidade na mais completa verdade,como já dizia um velho ditado: pior do que um cego é aquele que não quer ver
    sendo assim,viva por sua própria opinião que todos viverão pelas deles e não reclame se a maldade cobre a face do mundo,pois você ajuda a influenciar isto,o mal nada mais é que pequenas gotas que ao longo de gerações vao enchendo a bacia ate transbordar,e todos nós damos nossa contribuição para influenciar gerações futuras,seja ela boa ou má

  4. sonia diz:

    queria saber c ela é verdadeira rsrs

    • Reinaldo diz:

      ela e sim a boca de Deus na terra pois como entao se explica a profecia das torres gemeas em daniel 8 ou o 6 papa q leva um tiro mortal +sobrevive e tds comecam o adorar?? sera q nos sabemos o futuro? kem sao contraditorio sao akeles q vao contra a palavra de Deus a biblia pois nessa q o cara falo ai q em uma jesus logo q nasceu foi para o egito e na otra foi para belem,la n fala q ele n foi para o egito um escolhido por Deus viu jesus indo para belem e o otro viu jesus indo para o egito q ele foi primeiro para o egito dpois para belem. tem q ler mais e ler melhor a biblia antes de falar algo.eu n estou falando isso so para vc e sim para tds crentes n crentes evangelicos ou umbanda,vamos acorda pessoal n falem oq vcs axam e sim oq diz exatamente a biblia!!!

  5. Julia B. de Oliveira diz:

    Por causa de tantas contradições e ignorâncias é que eu resolvi me apegar a três palavras, as quais tornaram meu apoio: fé amor e esperança. 1) Fé, não na Bíblia, porque nenhum nessa terra pode me dizer que ela é a boca de Deus falando, que ela foi inspirada por Deus e tal. Não acredito nem desacredito, deixo para lá. Ninguem pode provar coisas assim, mas a fé em Jesus, em Deus, em acreditar que existe um pai amado que nos ama e cuida de cada um de nós, um Jesus que veio para dar vida e motivos de sobra para querermos viver e vencer a cada dia, para nos dar segurança, e só, aí sim!!! Me apego a isso. Doutrinas, usos e costumes e outras coisas já não entram mais em meu coração. 2) Amor, porque é onde se resume tudo. 3) Esperança, porque levanto todos os dias bem cedo na esperança de que um dias o mundo será mais igual, as pessoas serão mais tolerantes, respeitosas, esperança em viver em um mundo desarmado no sentido de guerras, livre de conceitos que façam as pessoas perderem o juizo e para alguns até irem a loucura ou perderem a vontade de se tornarem pessoas melhores ou fazerem do seu mundo um lugar melhor, como conceitos de inferno, (imagine você no céu e pensar no seu filho irmão ou mãe ou sua amada ou amado no inferno ardendo eternamente em chamas por que “Deus é assim mesmo JUSTO, eles não foram bons o suficiente”, conceitos de discriminalização, conceitos de o mundo terminar em fogo, de ser destruido (aquecimento global, que é uma mentira safada e que tem feito e deixado, junto com alguns conceitos religiosos oou biblicos, milhares de milhares de pessoas mais infelizes, mais tristes, mais desanimadas, mais… muitas coisas…

    Fé Amor Esperança. Aprendi acreditar nisso. E sou extremamente feliz assim.
    Que Jesus possa iluminar nossos corações e nos fazer pessoas melhores do que estamos sendo!

    Abraço a todos.

    • Erivaldo diz:

      Bom dia, Julia esta correta. Más são três; Fé, Justiça e Misericordia, Foi isso que os Apostolos escreveram, fazendo isso cumpre-se boa parte dos que Deus diz; A outra é Crer no Filho de Deus, pois sem Crér no Filho ninguem jamais verá a Deus. Más essas coisas são importantes quando voce faz parte do corpo. corpo de Cristo que é a igreja; Voce deve perguntar qual? Jr.6;16 – Nele voce encontrará respostas para toda e qualquer esclarecimento sobre as escrituras. http://www.ocaminhoantigo.tv

      • Julia O. Brandao diz:

        Eu acredito que o amor é o fundamento de tudo, é o resumo de tudo. O amor e causa de tudo. É o maior de todos os mandamentos inclusive.

  6. Marina diz:

    A bíblia é inspirada por Deus, ou seja, os escritores foram inspirados para nos passar as msgs D´Ele.
    É importante também refletir sobre a sua representatividade no mundo e o efeito da bíblia, nas pessoas, desde aquela época até hoje:
    A Bíblia tanbém é única em seu efeito sobre homens em individual e sobre a história das nações. Ela é o livro mais vendido de todas as épocas, tocando corações e mentes, amada por pelo menos uma pessoa em qualquer raça, nação ou tribo para a qual foi levada. Ricos ou pobres, educados ou simples, reis ou plebeus, homens de qualquer origem ou modo de vida já foram atingidos por esse livro. Nenhum outro livro jamais teve tal apelo universal ou produziu efeitos tão duradouros.
    Muitos princípios da ciência moderna foram registrados como fatos da natureza na Bíblia muito antes que qualquer cientista os confirmasse experimentalmente.
    Uma amostra destes fatos inclui:
    A redondeza da terra(Isaías 40:22)
    A quase infinita extensão do universo (Isaías 55:9)
    A lei da conservação de massa e energia (II Pedro 3:7)
    O cíclo hidrológico (Eclesiastes 1:7)
    O vasto número de estrelas (Jeremias 33:22)
    A lei do aumento da entropia (Salmo 102:25-27)
    A suma importância do sangue para a vida (Levítico 17:11)
    A circulação atmosférica (Eclesiastes 1:6)
    A campo gravitacional (Jó 26:7)
    e muitos outros
    As confirmações arqueológicas do registro bíblico são quase inumeráveis. O Dr. Nelson Glueck, a maior autoridade em arqueologia israelita, disse:
    – Dezenas de achados arqueológicos foram feitos que confirmam em exato detalhe as declarações históricas feitas pela Bíblia. E, da mesma maneira, uma avaliação própria
    de descrições bíblicas tem geralmente levado a fascinantes descobertas no campo da arqueologia moderna.”

    Erros e adulterações (Wikipédia)
    Roger Bacon demonstrou que vários textos da Bíblia estavam adulterados.[42]. Entretanto, Roger Bacon vivera no século XIII; mas, com as descobertas da biblioteca de Nag_Hammadi_(manuscritos) e dos Manuscritos do Mar Morto (ou Qumram), no século XX, essas dúvidas dissiparam-se e, com o advento das técnicas de crítica textual, hoje a Bíblia está disponível com pelo menos 99% de fidelidade aos originais; sendo que a maioria das discrepâncias presentes nos outros 1% dos trechos são de natureza trivial, i. e., sem relevância. [43]
    Segundo alguns estudiosos, um erro de tradução da Bíblia é tomar staurós como estaca ou estaca de tortura e, baseando-se nisto, dizer que Jesus foi pregado em uma estaca ao invés de uma cruz.[44] Isto pois, na época que se diz ser a da morte de Jesus, o significado da palavra já havia passado a abranger duas estacas cruzadas.[44].

    Vamos deixar então esses grandes estudos para quem tem expetise suficiente e usar o tempo para assuntos menos solidificados como a “Violência” , “Paz Mundial”, “Guerra Nuclear”, “Riscos da Terra ffrente ao Universo”, “Sobrevivência dos Humanos” etc.. isso sim vai dar repercussão para vc, ok!!

    • Erivaldo diz:

      Bom dia Marina, Parabens pelo comentario, te espero no http://WWW.OCAMINHOANTIGO.TV Lá nesse caminho compartilhamos dessa maneira mesmo, sua colocações são todas coerentes, sem dúvidas voce faz parte da Igreja de Deus quando cita essas palavras.

    • Caramba, não é todos os dias que vemos tanta bobagem assim. A Bíblia é um livro imprestável, cheio de contradições erros crassos relativos à Ciência, se pegarmos as definições da Terra que são feitas na Bíblia, ela seria um círculo chato, coberto por uma abóboda, contendo um precipício, sendo sustentada por colunas.

      Não existe qualquer confirmação de qualquer determinação científica da Bíblia, a começar pela ideia meio sem noção de que todos vieram de Adão e Eva, esquecendo completamente a endogamia e o fato de que todos seriam frutos de incesto, já que os filhos de Adão e Eva só poderiam se procriar com os irmãos ou com os pais, pois não havia mais seres humanos no planeta.

      Não existe qualquer indício do Dilúvio, sendo que é uma estória tão mal contada que seria até trabalhoso apontar os erros, sendo que a Ciência aponta que nunca houve dilúvio Global, muito menos nos últimos 6000 anos.

      Tudo na Bíblia é mentira, fantasia e contradição, é na verdade um livro estúpido e contraditório, sendo uma compilação de estórias antigas de diversos povos.

      Existe estória mais esdrúxula que a da Torre de Babel? Muito difícil, estudiosos de linguística sabem qual a origem das línguas e é claro que nada tem ver com tal estorinha infantil.

      Precisamos crescer para realidade, assim como uma criança faz quando deixa de acreditar em Papai Noel, Relacionar qualquer coisa complexa e científica com a Bíblia, só deixa claro a profunda ignorância científica de quem quer associar estórias sem pé nem cabeça com conhecimento adquirido através de esforço racional.

      Que se saiba de uma vez por todas que Chapeuzinho Vermelho e os Três Porquinhos, são muito mais verossímeis que a tal Bíblia Sagrada, que cresçamos para a realidade dos fatos.

      Em nenhum livro, versículo, ou mesmo palavra a Bíblia antecipou qualquer descoberta científica e esta forçada de barra enoja e só demonstra a tendencia de manipulação que alguns religiosos intencionalmente ou não praticam quando pregam as coisa mais absurdas completamente distante da realidade.

      Que me desculpe a palavra, mas associar Bíblia a Ciência é pura idiotice, no sentido mais profundo do significado do termo.

  7. elisama maria Kurumba diz:

    Você poderia usar o seu tempo pesquisando sobre “como mudar a violência existente no mundo atual”, “Como perpetuar a raça humana ante os intepéries possíveis,” já que parece interessado em pesquisar, e não usar o seu tempo e inteligência para lançar dúvida num livro que leva as pessoas a buscarem a paz e o amor. Está perdendo o seu tempo em ser útil para a humanidade.
    O que acha? Ok!! na boa tá!!!

    • Ademir diz:

      a ignorância é que faz você errar, não devemos acreditar em tudo.
      Ok! na boa Ta!!!

    • Paulo diz:

      Cala essa boca, bitolada. Vc não leu no canto direito ao alto “Não gostou ? que tal ir embora” A pessoa se propôs esclarecer os ignorantes e vcs ainda reclamam. Dou meus sinceros parabéns e agradecimentos a maravilhosa postagem desse texto.

  8. “A Bíblia foi interpretada para justificar práticas más tal como, por exemplo, a escravidão, a carnificina de prisioneiros de guerra, os sádicos assassinos de mulheres acusadas de serem bruxas, punição capital por centenas de ofensas, poligamia e crueldade com animais. Foi usada para encorajar a crença na mais grosseira superstição e para desencorajar o livre ensino de verdades científicas. Nós não devemos nunca esquecer que, bem e mal, fluem da bíblia. Ela, portanto, não está acima da crítica.” Steve Allen “Não acredite em qualquer coisa simplesmente porque você escutou. Não acredite em qualquer coisa simplesmente porque foi dito e fofocado por muitos. Não acredite em qualquer coisa simplesmente porque foi encontrado escrito em seus livros religiosos. Não acredite em qualquer coisa meramente na autoridade de seus professores e anciãos. Não acredite em tradições porque elas foram passadas abaixo por gerações. Mas após observação e análise, quando você descobre que qualquer coisa concorda com a razão e é condutivo ao bem e benefício de um e todos, então aceite e viva para isso.” Siddartha Gautama (o Buda) “A inspiração da Bíblia depende da ignorância da pessoa que a lê.” Robert G. Ingersoll, político e professor norte-americano

    • Erivaldo diz:

      Bom dia, Agnaldo voce deve tambem acreditar em Papai Noel, cinderella,chapeuzinho vermelho e Até BUDA, o incrivel em voce é para demonstrar toda sua intelectualidade coloca Siddartha Gautama como se ninguem conhecesse esse personagem. Bobo, voce ainda vai entender o significado da vida do Homem na terra, quem é voce para questionar a Biblia? Procure conhecer toda e qualquer materia de instruções ou não, para poder comentar. É deselegante e completamente inviável discutir sobre algo que voce não conhece, eu mesmo não poderia discutir sobre medicina porque não tenho conhecimento algum dela, a mesma coisa vale pra voce, voce nãos conhece nada sobre a biblia então não comente.

  9. edla diz:

    Será que homens comuns teriam a capacidade de escrever mensagens como as que estão na Bíblia? Que operasse milagres, que não falhasse em aspecto algum, que fosse fidedigno, que oferecesse Salvação para toda a humanidade e que cumprisse em todos os aspectos? Claro que isto é impossível! A oferta fora da Bíblia se resume em balelas, idéias de pessoas comuns que tem suas crenças firmadas em conhecimento próprio, moldadas por frustrações, anseios, desejos e sonhos frustrados, opressões, rejeições, famílias destruídas, traições…só que desconhecem quem opera todas estas coisas… Espero que de tempo de pessoas acordarem, e sem defesa alguma abrirem seus corações para nosso Salvador Jesus Cristo…enquanto há tempo. A Bíblia diz que Satanás cega o entendimento do homem carnal, aqui neste blog podemos mais uma vez ver a Biblia se cumprindo na vida de dezenas de pessoas, mas creio que o nosso Deus ainda alcançará alguns. Deus os abençoe.

    • Fabiano diz:

      Como é que a pessoa tem a capacidade de acreditar em Satanás?
      Com certeza ela deve acreditar também em papai noel, saci, curupira….
      Pelo amor.

    • Marina diz:

      Minha cara, se você tivesse parado para ler o texto ou pelo menos para ir a alguma aula de história, saberia que a bíblia nada mais foi do que um livro escrito e editado por milhares de pessoas na antiguidade/ idade média para justamente controlar e cegar o povo e, portanto, não pode servir de embasamento teórico para absolutamente nada. Uma sugestão: aos domingos, frequente algum tipo de aula e pare de ir a igreja. Abraços.

  10. carlos diz:

    A biblia é um livro de revelação que traz uma mensagem de salvação,não importa para onde jesus foi depois que nasceu,o que importa é o seu nascimento.( o céu veio até nós ).Não importa o dia exato de sua crusificação,o que importa é a imensidão do seu amor por nós entregando-se como sacrificio pelos nossos pecados para que fossemos reconciliados com Deus.Buscar erros na biblia é tentar justificar os nossos próprios erros. Leia com fé,submeta a sua sabedoria a sabedoria divina,pedindo ao Espirito Santo que que o ilumine para que assim possas compreender a mensagem da sagrada escritura. Pedi e recebereis,buscais e achareis batei e vos será aberto. Deus o abençõe meu irmão.

  11. Primeiramente venho pedir para que todos aqui leiam isto com atenção! olhando CIVILIDADAMENTE cada um tem sua opinião, eu eu acredito noque vejo, pois não sou cego, sou analista e não me preocupo em dizer que a Blíbia é realmente algo que podemos comfiar, de fato é certo que muitas palavras foram modificadas, mas nada de mentira foi dito, tudo foi real, e para aqueles que sabem o espirito santo existe naqueles que tem Fé…pois quem se faz de bobo como o Mark sabe muito bem que isso não é verdade, experimentem por experiencia propria pois sei que vocês não irão acreditar, vá até a igreja evangelica mais proxima e pergunte ao como chamamos ”Pastor” da igreja se a Blíblia é comfiavel…dependendo doque ele vai dizer…pergunte se você pode ver um milagre como os da Blíblia….aposto que vocÊ se surprienderar, e eu realmente faço minha parte, estou pedindo a Deus que te abençoe pois sua vida pode começar a piorar em breve…ou até se acabar….e bom voltando ao comentario de mark, ah mano desculpa o termo mais vá se f***** meu chapa….antes de nos chamar de ignorantes olha seu lado primeiro, ignorancia sua julgar sem saber oque fala…e para quem não sabe quem nos julga e nos critica so perde seu tempo, pos enquanto vocês nos julgam pelas escostas nois pedimos a deus que abençoe a vida de vocês, e para aqueles que dizem que a Blíbia é falsa a Blíblia é o livro da salvação…e para aqueles que tem preguisça e arrogancia de sentar e ler uma Blíblia…saibam que o fim dos tempos chegaram…tudo ocorrerá rapido, milhões morreram, e essas palavras não são coisas fajutas como profecias e atos de macumba, mas sim a verdade, mas por enquanto calem-se e vejam os resultados, pois enquanto não acontecer vocês não podem falar isto, pois não existem videntes! e se ainda não acreditam vão até uma igreja e pessam por um milagre, e sejam clemente a Deus e ao livro sagrado, pois isto não é um desenho animado e nen um filme, isso é um fato real! a algum tempo eu fui como oque chamamos de mundano, aquele que não conhesce cristo…quando a coisa ficava feia meu chapa, ahahahah…não podia fazer nada…tinha que sentir na pele oque é passar por problemas…mas quando conhesci jesus, resolvi largar o rancor e aceitalo como meu salvador…e sim até agora minha vida melhorou mutio…olha pra vocês saberem não gosto de mentiras, e sou conhescido como comfiante porque so acredito naquilo que vejo..e varios milagres acontecerem…já vi muitos….não algo que os mundanos digam que nossa efeito 3D apareceu um anjo e o mundo virou gelo..não! é melhor que isso…não estou aqui para criticar, pois realmente para algum de nois vocês são tolos em dizer isto.. só que como ja fui igual a vocês… eu sei oque é isto…..Sigam suas vidas e aceitem Jesus como seu salvador….

    • Fabiano diz:

      Blá blá blá… depois de ler a bíblia, aproveite e leia a gramática também.

    • Erivaldo diz:

      Jean, Cristo não veio mudar o mundo nem melhorar o mundo, lei bem as escrituras; Cristo veio tirar do mundo aqueles que não são do mundo, se voce acredita que milagres significa a presença de Deus em sua vida, então amigo a sua F é não vai levar a lugar algum, milagres não é base da Fé. Porque tira-se o milagre na sua vida? e aí sua fé acaba? Não. milagres ñão serve de BASE para acreditar em Cristo. dEVEMOS ACREDITAR nas coisas que são ETERNAS, sim Estas Só Cristo pode Dar, mas Milagres´é igual quando SATANAS tentou CRISTO no deserto Lembra como foi? É isso agora tambem nessas igrejas, todas Elas, Elas só oferecem Milagres com uma condição. Qual? a mesma de SATANAS. Pode ter certeza disso, todas são do DIABO, TODAS. Pobre, rico, mendigo, desempregado, doente. Saiba que tudo isso é da vida aqui na terra, e se voce não estudar, não trabalhar voce não vai ter uma vida de recursos financeiros e isto é normal, o que é que deus tem haver com isso? quer um carro trabalhe, quer trabalhar estude. Não querr ter Diabettis então não coma muito acucar, cançer de pulomão não fume então é só isso, voce é que colhe omque plantou, e onde Deus entra nisso?

    • Paulo diz:

      Antes de ir a uma igreja evangélica preciso juntar algum dinheiro para formar o famigerado DÍZIMO (é o passaporte). ACORDA, CARA!

  12. Marcos Nietzsche diz:

    A Igreja cristã renega o que há de mais sagrado e divino na vida, a própria vida. As lutas diárias de viver, de estar em constante mudança, de estar em constante contestação é abolida, é descartada pela Igreja cristã. Ela e seus sacerdotes percebem que o ideal ascético é a forma de poder pela qual eles têm o poder de transformar os cristãos, seres doentes por natureza, em seres mais doentes ainda. O padre ascético vê no asceticismo uma autoridade. “A dominação sobre sofredores é seu reino, a ela o encaminha seu instinto, nela ele tem sua arte mais própria, sua maestria, sua espécie de felicidade” (NIETZSCHE, 1983, p. 315). O ideal ascético é contrário à vida como deveria ser vivida.

    • Erivaldo diz:

      Marcos bom dia, vejo que voce é de uma personalidade tremenda, e unica, admiro uma pessoa que pensa utilizado Nietzsche. Muito bom mesmo, Procure esse idiota quando voce estiver para morrer.

  13. Marcos Nietzsche diz:

    no que tange ao específico do pensamento de Nietzsche sobre a religião, cabe aclarar o sentido da crítica ao cristianismo. O título de seu livro O Anticristo é, na verdade, uma maldição ao cristianismo paulino. Paulo é o verdadeiro alvo das críticas de Nietzsche. Deve-se perguntar, portanto, sobre o que poderia ser este cristianismo paulino. Para Nietzsche, a religião inventada por Paulo é o cristianismo que elimina qualquer potencialidade humana é um movimento de caráter altamente pessimista e negativo.

    • Erivaldo diz:

      Marcos voce é otimo, se possivel me responda; quem é NIETZSCH? Porque voce não tem nem opinião própria? Voce só diz os pensamentos de NIETZSCH? E o que voce pensa? Sera que voce não consegue PENSAR com sua opinião propria? Amigo a vida é sua não é desse homem, é voce que responde por voce mesmo, será que é dificil; Se eu te perguntar; Marcos que time voce torce? Voce vai responder assim; Segundo NIETZSCH na sua plenitude de pensamento especifico sobre a potencialidade humana e de acordo aos padrões filosóficos etc. Enfim, resumindo, quem é voce? PENSO LOGO EXISTO – nem existe porque não pensa.

  14. Michel Oliveira diz:

    Excelente texto!!!!!!
    Enfim alguém para fazer frente a esses milhões de cristãos irracionais que fazem uma leitura emocional da verdade biblíca com a preocupação de se proteger dos castigos divinos,a saber pelos comentários em que se pede para o Ricardo “pedir perdão pelos seus pecados”.
    Meu avô, um filosófo e teológo de quem muito me orgulhar ser neto, disse-me certa vez: “Há mais FÉ numa dúvida honesta do que na metade de nossas crenças,meu querido!” Nunca me esqueci dessa lição.
    Parabéns,Ricardo!

  15. IzaM diz:

    Cara, vc é DOIDO??? Meu, vc está fazendo uma blasfêmia, e se vc ñ pedir perdão pelo q vc fez, vc vai para o inferno! pede enquanto á tempo.

  16. odirlei diz:

    Gostaria de parabenizar o Felipe pelo seu comentário, onde demonstra que nem todos os cristãos são ignorantes acerca da história, porém um comentário tão bem embazado com argumentos tão sólidos as vezes é ignorado por aqueles que, precisam de provas arqueologicas e históricas para acreditarem nos escritos biblicos (e mesmo assim não acreditam), mas não precisam de nenhuma prova (pois não há), para acreditar(isto que é ter fé) na teoria da evolução, sobre a qual esta alicerçada a ciencia moderna, e também boa parte da filosofia. Acredito que desacreditar a biblia é uma forma de tranquilizar a nossa consciencia que nos adverte todo dia sobre um juizo que se aproxima, e da necessidade da redenção do ser humano. É óbvio que os intelectuais de plantão vão me chamar de fanático, porém eu pergunto a estes, é fanatismo acreditar que um sistema tão complexo como o mundo foi arquitetado por um ser inteligente,(pois como ser racional que sou concebo que é impossivel tudo isto existir por acaso).

  17. zico diz:

    vc vei da explosão do big bem meu irmão desça das rédias da ignor~encia e receba Jesus em seu coração o nome sobre todo nome um abç edsonzico

  18. word diz:

    Gostaria de parabenizar o Felipe e o Ricardo por este debate de idéias!Achei muito interessante e inteligente os dois pensamentos!
    Eu sou um estudioso critico!Meu estudo é sobre a inteligência de Cristo!Vc s vai encontrar vários livros sobre o tema por ai!
    Primeiro gostaria de comentar que sou um estudante sistemático da bíblia!Meu pensamento é que a verdade não existe!O que é verdade para mim, poder ser mentira para vc!etc!
    Sei que a religião (religiões, dogmas e conceitos) é coisa dos homens!
    Não defendo nem uma religião!Mas ao estudar este Homem chamado Cristo, tive uma grande surpresa!Ele é real!
    Diante do caos da morte, este Homem falou palavras nunca imaginadas ou pensadas!
    Boa sorte no Debates de vcs!
    Meu e-mail:bekcword@hotmail.com

  19. ivonil ferreira de carvalho diz:

    Antes de tudo, Biblia é um titulo cujo significado é coleção de biblos, e que é traduzido por coleção de livros.
    Daí já se nota que o nome não tem nada aver com inspiração divina.
    As Escrituras Sagradas hebraicas, o Tanakh e a briyt hadashah sim! são palavras inspiradas de YHwH=Yahweh o Eterno Criador. Só que elas foram traduzidas primeiro para o grego versão dos 70 no seculo 3ºantes do mashiach; e daí para o latim no seculo 4º=vulgata latina de jeronimo; ficando sob o dominio de roma cerca cde 1600 anos sendo corrompidas. sobre isso lemos na “Enciclopedia Britânica 1974/79-vol 10-pg 126, o seguinte; a doutrina se desenvolveu gradativamente através de vários séculos. E passando por muitas controversias; inicialmente por duas razões, a exigencia do monoteismo herdado do Velho testamento, e a implicação pela necessidade de interpretar so ensinos da Biblia para o mundo greco-romano. Todas as traduções de biblias do mundo sairam da vulgata latina.
    Na lingua portuguesa foram todas traduzidas por padre catolicos e tem cerca de apenas 330 anos; A profssora de hist-antiga da univ- de sp,Maria Luiza Corassim disse na rev-sup-interessante-editora Abril-do seculo II ao XV, as cópias dos livros sagrados estavam no conventos, eles agregavam o que queriam; sabiam? se Não sabiam é bom examinar…examinai a Escritura, não é examinai a Biblia. O anjo disse ao profeta Danyahu=Daniel que sergiria um poder que…mudaria os tempos e a lei…e que faria isso e prosperaria; Daniel 7,21-29. e 8,10-15. Foi exatamente o que Roma fez, mudou inclusive o nome do salvador hebreu de Yahshuah hamashiach, cujo significado é Yahweh é Salvação; substituindo-o; por um nome greco-romano jesus cristo
    com significado de deus cavalo, e deus porco. O campo desse tema é amplissimo, falamos apenas em sintese……durma-se com um barulho desses

  20. felipe diz:

    já deveria imaginar que vc não publicaria meus comentários… Você não dá espaço para crítica e não aceita os argumentos, que pena, está perdendo bastante coisa.
    Não seja bitolado amigo, pense um pouco “fora da caixinha”, experimente deixar um pouco o seu orgulho de lado, isso faz bem até para o seu crescimento como ser humano, jamais pense que vc é o dono da verdade, ou o que vc leu em algum lugar é o correto, experimente olhar os dois lados da moeda, analisar um e outro, juntar as peças de um e de outro, vc vai se surpreender, eu garanto.
    Abraço!

    • Caro Felipe, não fiz a moderação de seus comentários e de nenhuma outra pessoa antes porque estava em viagem e sem oportunidade de acessar o painel de meu blog. Agradeço suas críticas. O importante é um debate de alto nível. As exposições foram feitas. Que os leitores escolham no que crer.

  21. Felipe diz:

    Olá Ricardo Silva.

    Antes de mais nada, gostaría de dizer que não estou aqui para brigar, mas apenas para expor algumas coisas. E nem vou comentar todo o seu texto, pois estou meio sem tempo agora. Minha intenção não é te convencer de nada, apenas gostaría que vc fosse um cara flexível e que tentasse se esvaziar um pouco antes de fazer críticas. Só mais uma coisa, antes de vc expor algo, não pesquise somente no google, ou não pegue as opiniões de outras pessoas, leia sobre o assunto, procure livros, depois forme sua opinião.

    Mas vou fazer alguns comentários.

    1 – “Mas você já se questionou se ele é realmente um livro confiável?”, “Muitos livros da bíblia não tem nem o seu original, ou seja, o que se lê hoje é apenas cópia de uma cópia”
    Se vc não acha a bíblia confiável, por favor, não acredite no que vc estudou em história

    Autor Data do original N° de Manuscritos Quantos anos a cópia mais antiga tem após o original
    Sófocles 496-406 a.C. 100 1400
    Eurípedes 480-406 a.C. 9 1500
    Tucides 460-400 a.C. 8 1300
    Platão 427-327 a.C. 7 1200
    Aristóteles 384-322 a.C. 5 1400
    Demóstenes 383-322 a.C. 200 1300
    César 100-44 a.C. 10 1000
    Lucrécio 60 a.C. 2 1600
    Tácito 100 a.C. 20 1000
    Novo Testamento 45-100 d.C. 5686 250

    Na coluna mais a esquerda há uma lista de pensadores da antiguidade e o Novo Testamento. A segunda coluna faz referência à época em que os textos foram escritos. A terceira indica quantos manuscritos nós temos atualmente e a quarta coluna nos diz quanto tempo tem entre o original e o manuscrito mais antigo que temos em mãos. Por exemplo. Platão viveu (e escreveu) entre 427 – 327 a.C. , hoje nós temos 7 manuscritos de sua obra e o manuscrito mais antigo que nós temos dele é uma cópia de 1200 anos depois do original. Como pode ser visto o Novo Testamento possui um número muito maior e é muito mais próximo do original. Portanto, se for utilizado o critério de que há poucos manuscritos ou que é muito distante do original para negar a Bíblia inevitavelmente teremos que negar toda a história pois nenhum livro é como a Bíblia (a Bíblia é o livro com mais manuscritos e mais bem documentado de toda história). Além disso temos em mãos 36000 cartas que os primeiros cristãos trocaram entre si. Com suas citações bíblicas seria possível escrever todo o Novo Testamento com exceção de 21 versículos (utilizamos as cartas como uma ferramenta para comparar com os manuscritos e averiguar se os textos são fiéis e confiáveis). Quando na tabela eu comentei sobre os 5686 manuscritos eu não coloquei na conta mais de 1000 manuscritos que estão em
    outras línguas além do grego.
    Agora algumas informações sobre o Antigo Testamento

    Até 1947 a cópia mais antiga que tínhamos do Antigo Testamento (AT) era do ano 900 d.C. ou seja, aproximadamente 1300 anos depois do último livro ter sido escrito – o último livro foi escrito por volta de 400 a.C. . Para os críticos era um prato cheio. Afirmavam que nestes mil anos muitas alterações tinham sido adicionadas ao texto. Então, em 1947 foram encontrados nas cavernas de Qumran, Israel, textos do AT que foram datados de aproximadamente 150 a.C isto significava que a cópia mais antiga ficava em torno 250 anos depois do original. Logo os críticos se levantaram: “Ahá! Agora vocês encontrarão as muitas diferenças que falávamos”. As análises começaram e os especialistas encontraram somente uma variante a cada 1580 palavras, 98% destas variantes eram simples diferenças de grafia e nenhuma delas alterava o sentido do texto.

    Conclusão: A versão do AT de 900 d.C. que tínhamos é totalmente confiável!! e foi impressionantemente preservada durante os séculos. Isso se deve ao trabalho cuidadoso dos escribas e massoretas que tinham várias técnicas para analisar se a cópia era fiel ao original.
    Veja que se alguém quisesse naquela época adulterar o texto ele teria que alterar os manuscritos (o curador não permitiria acesso livre). Muitas pessoas romantizam, acham que adulterar era algo trivial. Lembre que naquela época não tínhamos papel de celulose, caneta, borracha,corretivo… Eles utilizavam peles de animais ou papiros a partir de fibras vegetais que eram muito mais rudimentares, logo qualquer alteração no texto era muito mais difícil. Então teoricamente teria que se trocar o texto todo (algo demorado e trabalhoso e a pessoa teria que saber o que estava escrito no todo), e veja que ainda assim esbarraria no fato de que quando comparado com outros manuscritos a falsificação seria constatada. Definitivamente a adulteração completa era uma tarefa extremamente difícil (beirando a impossibilidade).
    É bom lembrar do historiador judeu Flávio Josefo, que viveu um pouco depois de Jesus. Ele nunca foi cristão mas cita em sua obra a existência de Cristo e que seus seguidores defendiam sua morte e ressurreição e diversos milagres.
    É possível explorar bem esta questão da historicidade bíblica, veremos muitas
    coisas impressionantes a despeito das inúmeras críticas. Ainda falando sobre este assunto gostaria de esclarecer que aqui eu mostro que o texto é confiável (o texto foi muito bem preservado no decorrer dos tempos).

    Se vc ainda está lendo…
    2- “Para onde foi Jesus depois que nasceu?

    * Segundo o evangelho de Mateus (2:13,14), a família de Jesus fugiu para o Egito. Mas para Lucas (2:39) o caminho foi outro. Jesus e sua família foram para Belém, cumpriram os ritos de purificação e voltaram para Nazaré, e não deram nenhuma passadinha no Egito (nem para dar uma olhada nas pirâmides).”

    Em Mateus (2:13,14) está relatado a fugida de José e Maria com o menino Jesus para o Egito, antes da matança que Herodes ordenou. Em Lucas (2:39) fala do regresso deles do Egito para a Galiléia, como é relatado um pouco mais a frente em Mateus 2:23.

    “Qual foi o dia em que Jesus foi crucificado?

    * Em Marcos (14:12; 15:25) Jesus foi crucificado depois ceia pascoal. Enquanto que para João (19:14 vide: Nova Tradução Na Linguagem de Hoje – NTLH, da SBB) isso aconteceu na véspera da ceia.”

    A festa da páscoa era uma prática do povo judeu em memória da libertação do egito, na época de Moisés, quando o anjo “passou” (páscoa) e matou todos os primogênitos dos egípcios. É uma festa que durava 7 dias.
    Me desculpe mas ambos os textos que vc mencionou falam a mesma coisa, a crucificação ocorreu durante a páscoa, que durava 7 dias.

    “Em Marcos (2:23-36) há uma referência a um episódio que está relatado no livro de I Samuel (21:1-6). Quando você ler o texto de Samuel (espero que você o faça), o erro de Marcos fica patente. O evangelista põe na boca de Jesus o nome errado do sumo sacerdote, que não é Abiatar, mas seu pai Aimeleque (ou Aquimeleque, segundo a bíblia da CNBB).”

    Você deve ter errado na digitação, não existe Marcos 2:36, o capítulo só vai até o versículo 28.
    Bom, Jesus disse que Davi comeu o pão “no tempo de Abiatar…,” O que não tem erro algum, por que de fato Abiatar, filho de Aimeleque, ajudava seu pai que já era muito idoso na época.

    “Depois de sua “conversão”, para onde Paulo foi?

    * Paulo teve um “encontro” com Jesus a caminho da cidade de Damasco e segundo Atos dos Apóstolos (9:26,27) depois disso foi para Jerusalém. Será? Vamos perguntar para o próprio Paulo: onde você foi rapaz? Olhe a resposta aqui: Gálatas (1:16-20). Neste texto, Paulo fala que ele foi primeiro em Damasco e só DEPOIS DE 3 ANOS que foi a Jerusalém e encontrou-se com Tiago e não com Barnabé como está em Atos. No versículo 20 Paulo diz que não está mentindo. Quem está então?”

    Em atos 9:26 em diante não diz que Paulo foi a Jerusalém logo após sair de Damasco. O texto diz o seguinte: “E, quando Saulo chegou a Jerusalém….” depois de um mês, um ano, três anos?? Em atos não temos essa informação, a qual nos é dada pelo próprio Paulo em Gálatas 1:16-20. Agora por que Lucas não informou isso? só perguntando pra ele…

    Ricardo, me perdoe se fui arrogante, mas é que eu não gosto de ver coisas mal entendidas.
    Você pode não acreditar em Deus, é uma opção que vc tem, mas daí a “combatê-lo” é sério demais.
    Salmos 19:1 “Os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos”
    Eu te convido a ler a bíblia de uma forma menos crítica, vc faz isso com tantos livros que não te acrescentam nada, se duvidar acredita até que a vida surgiu de forma espontânea, isso também é ter fé…

    Bom, vou parar por aqui.

    um abraço!

    • edla diz:

      É, Felipe, como é difícil…espero que Deus tenha um propósito na vida deste Ricardo, ele n tem a menor idéia do que está fazendo e nem contra Quem está se levantando. Deus o continue abençoando. Diante do seu relato n preciso escrever nada. Quem tem ouvidos ouça o que o anjo diz as igrejas. Um abraço.

    • bíblia & jesus = aa maiores mentiras d todos os tempos!

    • Marina diz:

      CERRRTO! hahaha ignoremos a história, por que afinal, não há absolutamente nada de mágico nela, não tem graça! Vamos nos esquecer dos estudos arqueológicos nos quais tanto investimos e que nos mostram como viviam as pessoas antigamente. A religião, a cultura, a vida. Táticas de guerra e como evitá-la. A história que está no nosso sangue, sem mágica, sem misticismo. Por que, afinal, se não pudermos acreditar que um cara abriu os mares para milhares de pessoas atravessarem a pé, não podemos acreditar sobre o que os estudos nos contam sobre as atrocidades do nazismo ou da ditadura. A bíblia é um livro de contos mágicos e infantis, os mesmos que a sua mãe te contava quando você era pequeno para que você dormisse!

  22. Adria Kassia diz:

    AI, FALA SÉRIO, NEM TODO CRISTÃO TEM ATITUDES QUE O MARK DESCREVEU LÁ EM CIMA

  23. rosane diz:

    Muito interessante esse texto. Fiquei curiosa e pegarei a biblia para pesquisar sobre os erros indicados.
    So desaprovo o fim. A fe eh intangivel, nao pode ser avaliada nem classificada em verdadeira ou falsa. A fe segura as redias da humanidade e nao causa dano algum, pois o verdadeiro
    Dano eh causado pelo objeto para onde muitos direcionam sua fe.
    Parabens. Ate breve.

  24. Kdanada diz:

    Para começar acho a Bíblia um fascinante livro de histórias, assim como As mil e uma Noites. Ao ler o texto recordei que quando estava na catequese vivia fazendo perguntas “cabeludas” a catequista, lembrei dessa. Se o homem só foi criado no 6° dia como ele soube o que aconteceu nos dias anteriore? ela só respondia eis o mistério da fé. kkk. Sempre fui danada. O fato é que a bíblia ainda é um livro desconhecido para muitas pessoas. Muitos ainda aceitam que pregadores por exemplo lhes digam o que é importante, pertinente a cada religião. Ignorando e ocultando muita coisa. Poucos por exemplo conhecem a história de Diné e Siquem, Tamar e Judá, etc. Certas passagens são censuradas pelos próprios pregadores ao seu bel prazer, outras tomadas ao pé da letra, como “Crescei e multiplicai” muitos usam este termo até os dias de hoje para condenar métodos contraceptivos o que é um erro. Este ensinamento era totalmente aceitável no tempo bíblico período em que a mortalidade infatil era alta e que tinham que conviver com guerras e doenças. Enfim esse assunto não se esgota. Apesar das incongruências já que ao longo do tempo foi compilada, corrigida por gerações e gerações de cronistas, legisladores, narradores é um livro que merece ser lido pois contém leis, lendas, tradições, quem puder e quiser também é bom ler os textos proibidos e esquecidos (apócrifos). Ricardo gostei bastante de você jogar luz a um assunto tão polêmico, lembrando que um dos primeiros a sugerir que a bíblia foi escrita por humanos foi Spinoza e ele foi excomungado.
    Abços!

  25. Mark diz:

    Hum, muito interessante… mas mostra isso pros “Cristões” ignorantes que não tem a mínima noção de história.. eles vão dizer que tu tá sendo usado pelo inimigo pra tentar enfraquecer a fé deles e fazer eles se desviarem da salvação.

    • IzaM diz:

      Meu, sou cristã, e estava procurando pessoas para colocar em minha revista um blog, mais o seu é HORRÍVEL! Pior que mal. Se eu fosse vc, guardava sua opinião para vc mesmo. Pessa perdão pelos seus pecados já!!!

  26. É um bom texto para reflexão. A Bíblia pode ser vista sob várias óticas de fato.
    Acreditar que foi escrita inspirada por Deus depende da fé de cada um. A própria imagem de Deus, embora muitas pessoas tentem personificá-lo não pode ser definida pelos homens, pois está muito além da nossa capacidade de compreensão. Mas será que as pessoas dariam algum crédito à este livro caso não fosse “escrito” pelas mãos de Deus ? E sem a Bíblia, não estaria a nossa sociedade mais esdrúxula e caótica ?

    A própria constituição da Bíblia pode vir a ser questionada, já que pelo fato de ter sido montada a partir da junção de diversos livros, caberia às instituições religiosas a sua seleção, de acordo com os seus interesses.

    Apesar de tudo isso não se pode condenar um livro cujo objetivo é divulgar o amor e a fraternidade, e alertar sobre perspectivas de futuros e tendências a ações destrutivas causadas pela sociedade dos homens.

    Seja “escrita” por Deus ou não, verdadeira ou não, ou tendenciosa ou não, acho que vale a pena a leitura da Bíblia, assim como a tentativa de levar às nossas vidas os seus ensinamentos.

  27. Lembras que no 2º semestre do ano passado cheguei a questionar sobre a canonização dos livros em numa conversa na cantina? A escolha de qual livro faria parte logicamente se deu baseado na conveniência da evangelização, imagine se colocassem algum livro que contivesse textos que fossem contrários ou suscitassem a dúvida e a desobediência nas cabeças das pessoas, não seria bom para a Igreja e talvez fosse esse o caso dos apócrifos. Imagine a seguinte situação: você quer ser temido por um povo e entre eles existem alguns “subversivos” e não é possível dar conta de todos por si próprio, logo, é mais fácil apelar para o medo ao desconhecido supremo do que para o de uma autoridade que nem sempre estará fisicamente presente, enquanto o supremo está sempre em todos os lugares, mesmo nos impensáveis. Lógico que o autor deste texto já sabia disso, mas é só pra ilustrar bem a intenção que tinham os homens daqueles dias para os que chegarem a ler este comentário. Um filme que mostra bem o uso polítco da Bíblia é O Livro de Eli, é bem claro na obra que o vilão quer possuir o livro que o torne alguém crível o suficiente para dominar os outros.

    Não estou com este comentário criticando a Bíblia como sendo algo ruim, porque acredito que tudo pode ser bom ou ruim, dependendo de quem faz, como faz e com que intenção faz a sua utilização.

Faça seu comentário. Exponha sua opinião!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s